Ultrassonografia Obstétrica Morfológica

 

Inclui a análise detalhada da morfogênese, biometria e vitalidade fetal.  Deve ser realizada no 1º trimestre ( 11 a 14 semanas) e no 2º trimestre (18-24 semanas).

 

O primeiro trimestre é, sem dúvida, o momento ideal para a datação da gestação  e para a avaliação dos marcadores de cromossomopatias e malformações como a  Translucência Nucal, o osso nasal, o ducto venoso, a regurgitação tricúspide e a avaliação inicial da anatomia do feto.

No segundo trimestre é possível encontrar marcadores ecográficos específicos para malformações e ou cromossomopatias, diferentes dos marcadores do primeiro trimestre. Entre 20-24 semanas de gestação o exame morfológico realiza estudo biométrico fetal detalhado e análise da morfologia, ou seja, da formação dos órgãos fetais praticamente completa, além da análise da placenta e da quantidade de líquido amniótico.   Neste exame, também já pode ser realizado o estudo de Doppler, ou seja, um estudo do fluxo de sangue que a gestante está fornecendo para placenta através das artérias uterinas e, o como a placenta está funcionado através do estudo do cordão umbilical.

 

  • Convênio e Planos
  • IPERGS
  • CASSI
  • CABERGS
  • CODIS
  • UNIMED
  • ...

Tire suas dúvidas


© 2012 Fetale - Centro de Medicina Fetal.